Concurso do INSS: 1 milhão disputam 950 vagas neste domingo

Concurso-INSSO concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) conta com 1.087.789 inscrições para 950 vagas de níveis médio e superior. Isto é, 1.145 pessoas disputam cada uma das oportunidades, e vão precisar correr com os estudos para se destacarem, já que as provas serão aplicadas no próximo domingo, dia 15 de maio. O INSS oferece 800 vagas de nível médio e 150 de nível superior em Serviço Social.
Os salários são de até R$ 4.886,87 e R$ 7.496,09, respectivamente. As jornadas, nos dois casos, são de 40 horas semanais.
No total, 43.982 participantes se cadastram para as 150 vagas de analista, que exige ensino superior completo em Serviço Social. A relação candidato/vaga é de 293,2. Os demais 1.043.807 concorrem às 800 oportunidades para o cargo de técnico do seguro social, em que os inscritos precisam ter ensino médio completo, ou seja, mais de 1.304 pessoas estão na disputa de cada uma das chances no órgão.
Na semana passada, o Cespe/UnB divulgou os locais das provas objetivas do concurso. Os exames terão duração de 3 horas e 30 minutos. Os candidatos de nível superior começarão a ser avaliados às 8h, e os de nível médio, a partir das 14h.
Os candidatos precisam consultar os locais de prova pelosite da Cespe-UNB da banca organizadora. Para ter acesso a esses dados, é preciso informar o CPF cadastrado na inscrição. No dia da prova, o candidato deverá chegar ao local designado com antecedência mínima de uma hora. Será necessário levar caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente, comprovante de inscrição e documento de identidade original.
Os candidatos de técnico do seguro social serão avaliados pelas disciplinas de ética no serviço público, regime jurídico único, noções de direito constitucional, noções de direito administrativo, língua portuguesa, raciocínio lógico, noções de informática e seguridade social.
No nível superior, as provas serão compostas por questões de língua portuguesa, raciocínio lógico, noções de informática, direito constitucional, direito administrativo, legislação previdenciária, legislação da assistência social do trabalhador e da pessoa com deficiência e serviço social.

Compartilhe este post em

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *