Contas inativas do FGTS: saques dependerão do aniversário do beneficiário

fgts-saqueOs mais de 10 milhões de brasileiros que têm conta inativa do FGTS até dezembro de 2015 vão sacar os recursos, de acordo com a data de nascimento. O calendário oficial da Caixa Econômica Federal será divulgado nos próximos dias, mas segundo o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), fonte do governo Temer informou que o cronograma seguirá o padrão do pagamento do abono do PIS/Pasep.Os nascidos em janeiro e fevereiro serão os primeiros beneficiados, com saque a partir do dia 13 de março.  Pelo calendário que será divulgado pela Caixa, quem nasceu em março e abril receberá em abril, os nascidos em maio e junho começam a receber em maio.
Quem faz aniversário em julho, agosto e setembro poderá sacar a partir de junho e, por fim, os nascidos em outubro, novembro e dezembro vão retirar o dinheiro durante o mês de julho.
“Há muita desinformação sobre como sacar o dinheiro da conta inativa”, adverte Marcos Verlaine, analista político do Diap. A orientação do departamento é que os trabalhadores agilizem a emissão do Cartão Cidadão para facilitar a retirada do dinheiro.
De posse do número do PIS/Pasep, o trabalhador pode ir a uma agência da Caixa ou ligar para 0800 726 0207 e pedir o cartão. Tem direito a fazer a solicitação quem tem contas do FGTS, rendimentos do PIS/Pasep ou esteja recebendo parcelas do seguro-desemprego.
Dados do Conselho Curador do FGTS revelam que existem hoje R$ 30 bilhões depositados em contas inativas, ou seja, cujo último depósito pelo empregados foi feito até 31 de dezembro de 2015. Cálculos do governo apontam que a maior parte das contas tem saldo inferior a um salário mínimo.
A expectativa é de que 70% dos 10 milhões de trabalhadores com direito ao saque procurem a Caixa para acessar os recursos.  Desde que foi anunciada a liberação dos recursos, em 22 de dezembro, o aplicativo da Caixa que permite ao trabalhador conferir pelo celular se tem contas inativas do FGTS já foi baixado mais de 2,7 milhões de vezes.
A ferramenta está disponível nas lojas virtuais dos sistemas Android, iOS e Windows Phone e, por meio dela, dá para saber o saldo e os depósitos feitos pela empresa na conta do trabalhador. O acesso pelo site na internet subiu 10 vezes depois do anúncio que o saque será permitido.

Como acessar

Na Internet
Os trabalhadores podem conferir o extrato de contas ativas e inativas na página na internet do próprio FGTS (www.fgts.gov.br). Para isso, é preciso ter cadastrada uma senha eletrônica, que pode ser criada na página da Caixa Econômica Federal (www.caixa.gov.br) ou na agência.

Na agência
Quem quiser pode consultar saldo e solicitar uma senha para acesso online no banco. Neste caso, é preciso levar um documento de identificação (carteira de identidade, de habilitação, de trabalho ou certidão civil) e o PIS/Pasep/NIT.

No celular
Há aplicativos do FGTS disponíveis para os sistemas Android e iOS que devem ser baixados gratuitamente pelos usuários. Os contribuintes podem optar por receber informações da conta do FGTS.

Por e-mail
Os trabalhadores podem também escolher receber o extrato por e-mail. Para isso, basta se dirigir a uma agência, ou se tiver cadastro online pode fazer pelo site, e informar a preferência.

Compartilhe este post em

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *